Allez para casa, los Verdes!

Aprendi a gritar “Allez, les Verts” antes mesmo do “Allez, les Bleus” que nos tiraria da Copa vinte e dois anos depois.

Era minha primeira viagem à França e o Saint-Étienne disputava a Coupe d’Europe.

Com a camiseta do Dominique Rocheteau (presente do namorado francês), torci muito pelos Stéphanois, mas quem levou a taça foi o Bayern de Munique, com um gol do Roth, depois da cobrança de uma falta indireta pelo espetacular Franz Beckenbauer.

Rocheteau, com uma lesão na coxa, nem jogou a final. 😢

Tant pis pour les Verts, mas vitória merecida dos alemães.

Por que me lembrei do Saint-Étienne hoje?

Porque o México jogou de verde e, em coração de torcedora, sempre cabe mais um: 2 a 0, Brasil!

Imagem: Henrique Jábali

Compartilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Curta nossa página no Facebook e acompanhe as crônicas mais recentes.

Crônicas Recentes.