Um choro de verdade

Cavani é um exímio finalizador. Joga em altíssimo nível há muito tempo. É um atacante que sabe seus pontos fortes. Por isso, raramente se distancia da área adversária. Sua eficácia exterminou Portugal.

Os portugueses circulam bem a bola. São equilibrados em ambos os lados do campo. Têm um ótimo volante, que eles devem chamar de médio, Willian Carvalho. Mas não traduziram a maior posse de bola em gols. Seu craque não brilhou. Seu melhor lance foi ter dado suporte para Cavani, lesionado, sair do campo.

Quaresma é um jogador interessante. Cheio de recursos. O treinador português não deve achar o mesmo. Será que contra uma equipe defensiva como o Uruguai, com possa de bola garantida, não seria o caso de apostar mais tempo nas possíveis interações entre ele, Bernardo Silva e Cristiano Ronaldo?

Ao ser entrevistado no final do jogo, Cavani não derramou uma lágrima, mas chorou de verdade. Com os olhos marejados, lembrou-se do seu país e disse que seguiriam sonhando. Ninguém duvida.

Compartilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Curta nossa página no Facebook e acompanhe as crônicas mais recentes.

Crônicas Recentes.